Muita história e vistas fabulosas de Paris, este é o Arco do Triunfo

Muita história e vistas fabulosas de Paris, este é o Arco do Triunfo

Na minha opinião, e de muitas outras pessoas, o Arco do Triunfo, juntamente com a Torre Eiffel e a Catedral de Notre-Dame, são monumentos que não podem deixar de ser visitados para quem vai a Paris. Visitando o Arco do Triunfo você verá muita história e terá a possibilidade de apreciar vistas incríveis de Paris.

Primeiro um pouco de história. Napoleão Bonaparte decidiu construir o Arco do Trinfo para homenagear as vitórias do Exército Imperial Francês. A construção iniciou em 1806 e o Arco foi inaugurado em 1836, trinta anos após.

Na base do Arco do Triunfo, nos quatro pilares, estão gravados os nomes das 128 batalhas vencidas pelo exército de Napoleão e dos 558 generais franceses. Reparem, na foto abaixo, que alguns nomes estão grifados, indicando os militares que morreram em combate.

Na base do Arco do Triunfo, desde 1921, também está o Túmulo do Soldado Desconhecido, homenagem aos cerca de 1,5 milhão de soldados franceses mortos na Primeira Guerra Mundial (1914 a 1918).

Na laje do Túmulo está escrito: Aqui repousa um soldado francês morto pela pátria. Desde 1923, há também a chama da memória, acesa todos os dias, às 18h30, numa cerimônia cívica, promovida por soldados veteranos. Curiosidade: após a colocação do Túmulo, em sinal de respeito, mais nenhum desfile militar passou sob o Arco do Triunfo. Assim foi com o desfile do exército alemão em 1940, na tomada de Paris, e dos exércitos aliados em 1944, na retomada de Paris, e 1945, no final da Segunda Guerra Mundial. Sem dúvida, sinal de respeito e uma justa homenagem.

Por ironia do destino, Napoleão Bonaparte, idealizador do monumento, não viu seu projeto pronto e passou pelo Arco do Triunfo de uma maneira diferente. Em 15 de dezembro de 1840, dezenove anos após sua morte, seus restos mortais foram transferidos da Ilha de Santa Helena para Paris.

Nessa ocasião, houve um desfile que passou sob o Arco do Triunfo, levando o maior herói da França de todos os tempos para sua tumba definitiva, no Palácio Invalides, com sua magnífica cúpula dourada.

O Arco do Triunfo está situado na praça Charles de Gaulle, popularmente conhecida como Praça da Estrela (Place de I’Étoide), pois a praça e as doze avenidas que para lá convergem têm formato de uma estrela. Uma dessas avenidas é a Champs-Élysées, a mais famosa de Paris.

Até agora falamos da base, mas o Arco do Triunfo tem 50 metros de altura, equivalente a um edifício de 17 andares, e é possível visitar sua parte superior. Mas atenção, o acesso exige algum esforço e preparo físico razoável, pois é realizado por uma escada de 284 degraus.

Mas vale a pena, pois chegando ao terraço panorâmico, tem-se uma vista fabulosa de Paris e das doze avenidas convergentes.

A seguir algumas fotos tiradas do terraço do Arco do Triunfo, com vistas clássicas de Paris. Vamos começar pela estrela máxima, o símbolo de Paris, a Torre Eiffel. A Dama de Ferro num final de tarde, em meados do outono.

Abaixo a Basílica Sacré Cœur no alto do Montmartre. A Basílica do Sagrado Coração, no topo do Monte dos Mártires, é o ponto mais alto da cidade e um dos locais mais visitados de Paris.

Nessa foto aparece o Palácio Invalides, com sua cúpula dourada, local onde está a tumba de Napoleão Bonaparte. No centro, destoando da paisagem, a Tour Montparnasse, com seus 59 andares. Alguns dizem que a melhor vista de Paris é do alto desse arranha céu, pois de lá não é possível enxergá-lo. Piada com muita ironia, no estilo francês.

Na foto abaixo vista da Champs-Élysées, uma das avenidas mais elegantes e famosas do mundo. Prédios de porte baixo e muito verde. Boa para passear e conhecer. No entanto, foge da minha estrutura, pois achei tudo muito caro, inclusive os bares e restaurantes.

Por fim, mais uma dica: chegue ao Arco Do Triunfo utilizando uma das várias passagens subterrâneas. Não tente atravessar as avenidas, pois o trânsito é extremamente movimentado.

Mais de 1,7 milhões de pessoas visitam por ano o Arco do Triunfo. Mas as pessoas que não podem utilizar a escada enfrentam grandes dificuldades. Existe um elevador que que vai até o sótão, onde estão localizados o museu e a loja. Mas o único acesso do sótão para o terraço é uma escada de 40 degraus. Para resolver este problema, será instalado um elevador no sótão que permitirá o acesso ao terraço de pessoas com mobilidade reduzida e outras dificuldades.

Para maiores informações, como horário de funcionamento e preço dos ingressos, consulte o site do Arco do Triunfo. http://www.paris-arc-de-triomphe.fr/en/.

Posts Relacionados